Slider[Style1]

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5

11º Agosto em Ipubi é Festa supera expectativas e reúne milhares de pessoas

O Prefeito João Marcos Siqueira não mediu esforços e fez da 11ª edição do ‘Agosto em Ipubi é Festa’ a maior festa cultural de todos os tempos. De 27 a 30 deste mês, a população ipubiense e das cidades circunvizinhas prestigiaram maciçamente vários shows no Pátio de Eventos da cidade com grandes nomes da música nacional, como Cezar Menotti & Fabiano, Luan Estilizado, Iohannes, Mano Walter, dentre outros.
“Foi um sucesso. Fizemos uma das maiores festas já realizada no município e, graças à Deus, tudo transcorreu como o previsto” – disse o Prefeito João Marcos Siqueira.
A festa teve início no dia 27 de Agosto com a apresentação de Forró Di Nóis, Forró Real e do vaqueiro Mano Walter. No dia 28, foi a vez de Forró Esticado, Cezar Menotti & Fabiano e Toca do Valle colocarem o povo pra dançar. No dia 29, Rael na Farra, Luan Estilizado e do fenômeno Iohannes Imperador subirem ao palco para cantar os principais sucessos.
O encerramento aconteceu com o tradicional Festival de Cerveja realizado no dia 30, com a parceria entre a Prefeitura de Ipubi e a Loja Maçônica Ipubiense. A animação ficou por conta de Gaviões do Forró e Banda Alto Astral.
A realização do 11º Agosto em Ipubi é Festa teve total apoio do Governo de Pernambuco, Secretaria de Turismo, Empetur, Polícia Militar e Civil, Corpo de Bombeiros e Conselho Tutelar.
Da Ascom PMI

Terceira via em Bodocó é uma realidade, afirma Luiz Matias

Uma terceira via em um município que só existem dois lados é considerado como algo que difere da administração anterior e da atual, esta é a lógica. Politicamente, a “terceira via” representa um movimento de modernização e renovação naquilo que se chama de nova política com mais democracia e distribuição do poder”. O grupo que está abrindo esta nova possibilidade em Bodocó vem de líderes e formadores de opiniões oriundos do grupo do ex-prefeito Brivaldo Alves (DEM).
Em conversa com o vereador Luiz Matias (PR), ele afirma que Dr. Otávio será candidato a prefeito de Bodocó e explica por quê.
O grupo que lança o nome de Otávio Pedrosa a pré-candidato a prefeito de Bodocó, embora ainda esteja aberto a conversas e articulações não vê horizonte melhor para Bodocó que não seja o de uma discussão política mais aprofundada da real situação do município. Para Luiz Matias, vereador eleito, ele diz que as pessoas precisam ser mais ouvidas e já passou da hora de Bodocó ter um projeto para seu desenvolvimento.
Por este motivo e para acabar com muitos comentários infundados, Luiz diz que Otávio nunca disse que aceitaria ser vice de ninguém, pois ele não tem esse interesse.  “O momento agora é de articulação e até o final do ano nós estaremos oferecendo uma proposta a Bodocó”. indaga Matias.
Segundo Luiz Matias, na última conversa com Dr. Brivaldo nada ficou acertado, pois no diálogo não estava em jogo nenhuma proposta, a proposta de Brivaldo é “unir”, mas não deu elementos de como fazer isso, foi apenas uma conversa informal para tentar entender o que seria esta união. “O que eu percebi é que as lideranças não estão discutindo o melhor para Bodocó, o que está acontecendo é uma briga pelo poder”. Nós estamos propondo uma discussão e o nome de Otávio até agora é o que desponta com maior aceitação. Afirma Luiz Matias.
Por Lusimar Lima
Sertão Nordeste

Treinador vê evolução do Araripina contra o Afogados e critica arbitragem

Apesar de sofre o empate no final do jogo, Cleibson Ferreira afirma que a equipe apresentou um bom futebol e que faltou ao Bode aproveitar as chances criadas.
Segundo Cleibson, o Araripina desperdiçou boas chances contra o Afogados e foi penalizado com o gol de empate.
O Araripina deixou escapar a primeira vitória na Série A-2 do Pernambucano, no último domingo, contra o Afogados. Jogando em casa, no estádio Chapadão do Araripe, o Bode vencia por 1 a 0 até os 45 do segundo tempo, quando cedeu o empate. Mesmo com resultado ruim, o técnico Cleibson Ferreira fez uma análise positiva do desempenho da equipe.
– Vejo uma evolução na equipe comparada a primeira partida, na qual tivemos um quebra-cabeça para montar o time com os desfalques. Nesse jogo ainda tive umas três improvisações, mas tivemos um volume maior de posse de bola, fomos envolventes, tivemos várias situações de gol - disse
O que realmente não agradou ao comandante do Araripina foi a atuação da arbitragem. Segundo Cleibson, aconteceram muitos erros contra sua equipe.
- Não gosto de culpar a arbitragem, mas foi uma tarde infeliz, muitos lances duvidosos, principalmente contra a nossa equipe. Lances de falta que chegaram até ser agressões contra os nossos jogadores, questões de cartão. Mas não posso dizer que o resultado de um 1 a 1 foi culpa da arbitragem, não. Pois perdemos muitas chances, se tivéssemos feito os gols que perdemos a questão da arbitragem não teria influenciado. Agora é pensar nas próximas partidas, para daqui até o final da primeira fase terminarmos no G4 – afirma.
Com o resultado, o Araripina ocupa a quarta colocação do grupo A, com um ponto. A próxima partida será fora de casa, diante do Serrano, no estádio Nildo Pereira, às 20h.
Por GloboEsporte.com 
Araripina, PE
Foto: Ednardo Blast /TV Grande Rio)

Top