Blog Rômulo Lima

Prefeito e vice tiveram diplomas cassados em 2014, acusados de abuso de poder político no ano de 2012, época em que foram eleitos.
O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) decidiu nesta segunda-feira, 23, realizar uma nova eleição para prefeito e vice-prefeito no município de Araripe, a 526 km de Fortaleza.
Depois de o prefeito José Humberto Germano, e o vice-prefeito, Guilherme Lopes de Alencar, terem os diplomas cassados em 2014, acusados de abuso de poder político durante a campanha de 2012, quando foram eleitos, a decisão dos juízes pela nova eleição foi unânime.
As denúncias eram de que prefeito e vice autorizaram contratações de agentes temporários e realizaram nomeações em cargos em comissão no ano de 2011 e no primeiro semestre de 2012, com objetivo de ganhar votos.
O novo pleito está previsto para o dia 17 de maio deste ano. Uma resolução fixando data e aprovando as instruções para a eleição suplementar, e outra resolução sobre a arrecadação e aplicação de recursos e prestações de contas na campanha, serão elaboradas.
Redação O POVO Online

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.