Blog Rômulo Lima

Estudo preliminar da PRF aponta 80 km/h em trecho de 60 km/h.
Catorze pessoas deram entrada no hospital; uma já teve alta.
Um estudo preliminar da Polícia Rodoviária Federal aponta que o ônibus da banda "Garota Safada" trafegava acima da velocidade máxima permitida no momento do acidente que feriu 18 pessoas. Segundo a PRF, o tacógrafo do veículo indicava velocidade de 80 km/h, em um trecho BR-222 indicando velocidade máxima de 60 km/h.
Quatro pessoas ficaram feridas gravemente em no acidente, na madrugada desta terça-feira (10),  em São Luiz do Curu, a 79 Km de Fortaleza.
Segundo a Polícia Rodoviária Federal do Ceará (PRF-CE), o ônibus tombou na BR-222, no quilômetro 82. Pelo menos 18 pessoas ficaram feridas e 14 foram hospitalizadas; uma já recebeu alta. Outros integrantes da banda foram encaminhados aos hospitais de Umirim, Itapipoca e São Gonçalo do Amarante.
De acordo com a empresária da banda, o ônibus saia de Fortaleza em direção ao Piauí. Os shows da banda foram cancelados.
Wesley Safadão tranquilza fãs
O cantor  Wesley Safadão, vocalista da banda de forró “Garota Safada” agradeceu na manhã desta terça a preocupação e o apoio dos fãs. Em um vídeo, Wesley Safadão tranquilizou os familiares dos integrantes da banda que ficaram feridos em um acidente nesta madrugada com o ônibus da banda. O grupo seguia para o Piauí, onde faria show na noite desta terça-feira.
“O pior já passou e todos estão sendo atendidos. Quero tranquilizar todos os familiares, os fãs e agradecer o carinho e o apoio. Muito obrigado a todos os que estão nas orações e [com] pensamento positivo neste momento”, disse o vocalista.
De acordo com a assessoria da banda, 27 pessoas estavam no ônibus, entre músicos, produtores e equipe técnica. O vocalista “Wesley Safadão” não estava presente. As quatro pessoas feridas foram levadas ao Hospital Instituto José Frota (IJF), no Bairro Centro, na capital. A  empresária do cantor informou que está prestando toda a assistência aos feridos.
Do G1 CE

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.