Blog Rômulo Lima

Carcará reconhece favoritismo do rival, mas vai tentar levar decisão para o Rio de Janeiro.
Por mais que o duelo entre Salgueiro e Flamengo, na noite desta quarta-feira, às 22h, no Cornélio de Barros, pela Copa do Brasil, seja apontado como um confronto entre Davi e Golias, não há nada no mundo que faça o torcedor do Carcará perder as esperanças de uma surpresa, ainda mais depois da vitória de 2x0 dos sertanejos sobre o Sport no último domingo, pela semifinal do Campeonato Pernambucano. Motivados pela torcida, os jogadores do time do Sertão querem ao menos garantir o jogo de volta, marcado para o Maracanã, no Rio de Janeiro, no dia 13 de maio. Para isso, o Salgueiro não pode perder por dois ou mais gols de diferença.
Para impedir que o segundo não ocorra, o técnico Sérgio China aposta na mesma fórmula que deu certo contra o Sport: a humildade. Para o comandante do Carcará, a empolgação dos torcedores é importante, mas não deve fazer com que os atletas percam o foco. "Temos que trabalhar esse jogo do Flamengo, mas o que não pode acontecer é deixar a empolgação ser maior do que é", disse.
China deve contar com força máxima para esse jogo. Anderson Lessa e Jefferson Berger, que ficaram de fora da partida contra o Leão, ficam à disposição do treinador. Apesar disso, ambos devem ficar no banco. Quem deve voltar mesmo é o volante Pio, que cumpriu suspensão no Pernambucano. Além dele, outra novidade pode ser a entrada de Paulinho Mossoró no meio de campo.
Outra dúvida é como o Salgueiro deve se postar no gramado diante do Flamengo. A torcida vive a expectativa que o time, por jogar em casa, tome a iniciativa contra o Flamengo, mas o técnico sertanejo prega o respeito ao adversário e pode adotar uma estratégia mais cautelosa, já pensando em sofrer menos gols e garantir o jogo da volta. "Vamos tentar fazer o melhor possível para garantir o segundo jogo", garantiu o treinador.
Pelo lado do Flamengo, o técnico Vanderlei Luxemburgo espera encontrar nessa partida a cura da ressaca para a eliminação ocorrida contra o Vasco, no Carioca. Por conta disso, o comandante dos cariocas deve levar o melhor que tem disponível nesse momento. "Somos maduros o suficiente para mudarmos o foco. Será um jogo difícil contra o Salgueiro. A partida será muito importante, por isso precisamos nos impor e vencer. É hora de falar pouco e fazer muito. Vamos respirar a Copa do Brasil. As semifinais foram jogos difíceis, mas passou. Nosso intuíto é crescer diante desta situação. Estamos unidos e focados para aquilo que vamos encarar pela frente", disse o zagueiro Bressan.
Nomes como Marcelo Cirino e Alecssandro não serão poupados e irão jogar. O objetivo é claro: matar o jogo de volta. As ausências são apenas os jogadores que estão se recuperando de lesões. É o caso dos volantes Canteros e Cáceres e do zagueiro Samir. Uma novidade entre os relacionados do Flamengo é a presença do meia Almir, contratado recentemente junto ao Bangu. Como ele não jogou com a camisa rubro-negra no Carioca, pode fazer a estreia nesta quarta-feira contra o Salgueiro. Tudo vai depender de Luxa.
ROTINA
Apesar do feriadão, a cidade de Salgueiro respira futebol. A confiança aumentou ainda mais com a vitória sobre o Sport no domingo. A expectativa é de casa cheia no Cornélio de Barros e de foco total no jogo para quem ficar de fora. Camisas do Salgueiro e do Flamengo rivalizam pelas ruas. Além disso, o munícipio, acostumado com jogos regionais, teve a sua rotina alterada com a chegada da imprensa do Rio de Janeiro. Desde domingo que o estádio salgueirense recebe equipamentos para a transmissão da partida. Até um placar está sendo montado.
FICHA DA PARTIDA - SALGUEIRO X FLAMENGO
Salgueiro: Salgueiro: Luciano; Marcos Tamandaré, Ranieri, Rogério e Lúcio; Moreilândia; Pio, Vítor Caícó e Cássio (Paulinho Mossoró); Alemão e Valdeir. Técnico: Sérgio China. Esquema: 4-4-2
Flamengo: Paulo Victor; Pará, Bressan, Wallace e Anderson Pico; Márcio Araújo, Jonas e Luiz Antonio; Everton, Marcelo Cirino e Alecsandro. Técnico: Vanderlei Luxemburgo. Esquema: 4-3-3
Local: Cornélio de Barros, em Salgueiro. Horário: 22h. Árbitro: Guilherme Ceretta de Lima. Auxiliares: Danilo Ricardo Simon Manis e Fabio Rogerio Baesteiro. Ingressos: R$ 200.
Do JC Online

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.