Blog Rômulo Lima

Cleibson Ferreira espera dificuldades já na estreia contra o Petrolina, no Chapadão do Araripe. Segundo o treinador, a chave com as equipes do sertão é mais complicada.
O torcedor do Araripina vai poder matar a saudade da equipe em jogos oficiais no dia 27 deste mês. Contra o Petrolina, no estádio Chapadão do Araripe, o Bode fará a sua estreia na Série A-2 do campeonato Pernambucano. Após várias indefinições sobre o futuro da equipe, o técnico Cleibson Ferreira comemora a divulgação do grupo.
– Nosso anseio, nossa vontade, era saber quando ia começar a competição. Graças a Deus saiu o número de equipes, a data da estreia. Tudo isso nos dá, não vou dizer tranquilidade, mas um espaço de tempo para a gente organizar nossas atividades e estudar os adversários – afirma Cleibson.
Com a missão de reconduzir o Bode à elite do futebol de Pernambuco, Cleibson Ferreira vai ter que superar na primeira fase, além do Petrolina, as equipes do Afogados, Belo Jardim, Flamengo de Arcoverde e Serrano. Quatro times passam para a etapa seguinte da competição. O treinador admite que o caminho não será fácil e espera dificuldades já no primeiro jogo.
 – Mais uma vez eu acredito que essa região do Sertão seja a mais equilibrada, não que a outra chave seja mais fácil. Com certeza será um grupo difícil, onde os detalhes vão fazer a diferença. Na estreia vamos enfrentar uma grande equipe, com um grande treinador, que sempre faz bons times - destaca.
Antes da estreia, Cleibson comanda o Araripina em um amistoso contra A Seleção de Exu, no domingo.
Por Emerson Rocha 
Araripina, PE
Foto: Ednardo Blast /TV Grande Rio

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.