Blog Rômulo Lima

A polícia foi até o local após receber uma ligação.
Um homem matou sua namorada arrancando os intestinos dela com as próprias mãos depois que ela pronunciou o nome de seu ex-marido enquanto tinha relação íntima.
Fidel Lopez, de 24 anos, ficou com muita raiva depois que a namorada gritou o nome de outro homem durante o sexo dentro do apartamento em Sunrise, na Flórida, EUA.A vítima era Maria Nemeth, de 31 anos, que foi mutilada por Fidel.
A polícia foi até o local após receber uma ligação indicando que Maria não estava respirando. Ao chegar ao apartamento, a mulher foi encontrada sem roupas, e inicialmente Fidel disse que ela desmaiou após ter relação íntima.Depois ele acabou confessando que Maria tinha dito, por duas vezes, o nome de seu ex-marido enquanto eles estavam tendo um momento “romântico”.
Fidel até tentou acordar a namorada jogando um copo de água no rosto dela, mas sem sucesso. Ele disse que tinha bebido Tequila momentos antes de começar a ter a relação íntima com Maria.O rapaz foi preso e espera por julgamento.
FONTE:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.