Blog Rômulo Lima

Três carros ficaram danificados após colidir pouco depois da meia-noite desta sexta-feira (27), na Avenida Boa Viagem, na Zona Sul do Recife. Segundo testemunhas, um Celta e um Sonic estavam parados no sinal vermelho quando um Peugeot veio em alta velocidade e bateu. Quem dirigia esse carro era o ex-jogador do Sport Dario.
O acidente foi registrado pela Companhia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU) às 12h29. O órgão confirmou que o motorista fugiu após o acidente, mas não forneceu informações sobre o Boletim de Ocorrência. Ao deixar o local caminhando, ele deixou no carro um celular e documentos, usados pelas vítimas para localizá-lo.
O estudante de engenharia Pedro Henrique Siqueira, 21 anos, era passageiro do Celta e conta que voltava de Piedade, em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, com amigos. "Ele (Dario) desceu do carro dizendo que quase bateu em um carro e, como um homem tirou arma para ele, ficou assustado. Depois, entrou de novo no carro e tentou fugir; as rodas estavam travadas, só o motor rodando", contou. "Hoje ele ligou e procurou saber se tinha alguma vítima. Queria pedir o celular de volta, mas meu amigo disse que só devolveria na delegacia."
As testemunhas afirmam que ele apresentava sinais de embriaguez. Porém, como o ex-jogador deixou o local antes da chegada da CTTU, não foi feito teste de alcoolemia. "Ele se safou muito por ter fugido. A gente não tem provas de que ele estava embriagado", lamentou Pedro Henrique.
O estudante estava com um amigo de 25 anos no carro. No outro, estava outro colega. Os jovens estiveram na Delegacia de Boa Viagem essa manhã para registrar o caso e levar o celular do ex-jogador, que hoje é empresário e esteve no depósito também durante a manhã para verificar o estado do carro. O grupo prometeu abrir um processo judicial contra ele pelos danos materiais.
Do JC Trânsito
Foto: Vinicius Pereira/Cortesia

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.