Blog Rômulo Lima

O primeiro aconteceu por volta das 13h de sexta-feira (20). Eugênio Jaques dos Santos, 20 anos, foi executado com vários disparos de arma de fogo na cabeça. Ele encontrava-se em um bar no sítio Juá, zona rural de Santa Cruz, quando percebeu a aproximação de dois homens em um Fiat Siena preto. Desconfiado, Eugênio retirou-se do local em seu veículo, um Gol de cor prata. Após sair do local, foi perseguido pelos indivíduos.
Minutos após, a vítima foi encontrada por populares há três quilômetros do local da fuga. Ele estava fora do seu veículo, já sem vida. O carro de Eugênio estava com várias perfurações de tiros no para-brisa traseiro. Familiares da vítima não informaram nada sobre suspeitas do crime ou dos criminosos. O jovem de 20 anos tinha passagem pela polícia por imputação de roubo. Há alguns meses seu irmão mais velho também foi morto em Ouricuri a tiros em uma oficina da cidade. O caso está sendo investigado pela polícia.
O outro crime aconteceu às 16h, no sítio Varzinha, também na zona rural de Santa Cruz. Osmano Ferreira da Silva, de 37 anos foi morto com um golpe de faca peixeira no peito. Sua mãe, a senhora Laudilina Ferreira da Silva, 60 anos, também sofreu um corte no peito ao tentar impedir que seu filho fosse morto. De cordo com a polícia o crime aconteceu por rixa entre famílias.
Por volta das 22h a polícia localizou 3 autores do crime: Judivânio de Souza Rodrigues, Juclerton Lopes Rodrigues, e uma terceira pessoa com o nome de Adriano. Eles estavam no sítio Santo Antônio, na Serra do Inácio, em Ouricuri e foram conduzidos para a delegacia da cidade. (Com informações VP/GRFM)

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.