Blog Rômulo Lima

Em Petrolina, precipitação deixou ruas com água empoçada e muita lama.
Já na área rural de Salgueiro, agricultores estão esperançosos com chuva.
Ruas de Petrolina ficam cobertas de lama com chuva (Foto: Luana Benardes / TV Grande Rio)
Nas cidades do Sertão de Pernambuco tem chovido bastante nos últimos dias. Em Petrolina, com a precipitação da sexta-feira (8), algumas vias da cidade ficaram com água empoçada, formando muita lama e dificultando a passagem de pedestres e motoristas. Já em Salgueiro, na Zona Rural, os agricultores comemoram a chuva, pois estão esperançosos para voltar a produzir. 

Na cidade Petrolina, os bairros mais atingidos pela chuva foram Jatobá, Dom Avelar, São Joaquim, São Gonçalo, Cosme Damião e Quati. O ajudante de pedreiro, Domingos da Silva, relata que é difícil transitar pela comunidade do São Joaquim “Tem que passar por dentro de água e todo canto bairro fica alagado. Á água chega a bater no meio da canela”. A vendedora Patrícia de Melo, que mora no Jatobá, conta que sempre que chove surgem transtornos. “Toda vez que chove é desse jeito, fica complicado passar as pessoas e carros”.

A secretaria de infraestrutura de Petrolina informou que já tem uma equipe da defesa civil trabalhando para assistir os bairros com maior índice de alagamento e risco de desabamento.
Já em Salgueiro, a chuva que ocorreu na Zona Rural deixou esperançosos os agricultores e criadores de animais que sofrem com a estiagem. O caprinocultor, José Francisco, relembra que por causa da seca ele perdeu muitos animais, pois precisa comprar um saco de ração com 18 quilos, por R$10. “Fica muito caro, temos que comprar ração e parei de comercializar porque os animais estão magros”.

O agricultor Adalberto de Almeida que trabalha há 40 anos no campo, volta a se alegrar. Já que nesta primeira semana, choveu em Salgueiro 65 milímetros, quase a quantidade da média histórica para todo o mês de janeiro, que é de 88 milímetros. “Vamos pedir a Deus mais chuva para a gente ter um bom resultado”.

Do G1 Petrolina

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.