Blog Rômulo Lima

A lista com os nomes de 1.598 gestores públicos que tiveram contas rejeitadas pelo TCE nos últimos anos, com decisão transitada em julgado (irrecorrível), foi entregue, hoje, à Justiça Eleitoral pelos conselheiros Carlos Porto (presidente) e Dirceu Rodolfo (corregedor) e o procurador geral do Ministério Público de Contas, Cristiano da Paixão Pimentel.

Na relação, nomes como o do ex-prefeito de Caruaru Manoel Teixeira de Lima, os ex-prefeitos de Serra Talhada Genivaldo Pereira Leite e Carlos Evandro Pereira de Menezes, os ex-prefeitos de Camaragibe João Lemos e Paulo Santana, ex-gestores de Gravatá Joaquim Neto e Ozano Brito e os ex-prefeitos de Garanhuns Luiz Carlos de Oliveira e Silvino de Andrade Duarte, e os ex-prefeitos de Bodocó, Brivaldo Pereira Alves e Jaime Marcelino de Lima Júnior.
O documento foi recebido pelo presidente do Tribunal Regional Eleitoral, desembargador Antônio Carlos Alves dos Santos, pelo vice Alberto Virgínio, também desembargador, e pelo procurador geral eleitoral Antônio Carlos Barreto Campelo. 

O envio dessa lista em ano de eleição é uma exigência da legislação eleitoral a fim de que, com base nela, o Ministério Público possa impugnar o registro de candidatos que tiveram contas rejeitadas por improbidade administrativa. A lista pode ser acessada clicando aqui.

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.