Blog Rômulo Lima

A direção da Escola Municipal Clementino Costa que fica na Vila de Né Camilo no interior de Bodocó, deu por falta de vários equipamentos públicos pertencentes a unidade educacional através de uma consultoria nos documentos e nas notas fiscais, a diretora Luciene Barbosa Alves Silva conta que em seguida a transição a nova equipe gestora tomou ciência de que uma TV 40'' polegadas, um aparelho de som, um notebook, uma câmera digital, uma impressora e um violão não estavam na escola. 

A gestora lamenta a informação de que os equipamentos tenham sido restaurados logo após a ex-gestora Maria da Penha ter sido convocada pela Polícia Civil para dar esclarecimentos sobre os bens da Secretaria de Educação.
TV 40'' polegadas, Aparelho de som, Notebook, Câmera digital e Impressora
A ex diretora devolveu quatro dos itens citados mas não colaborou fornecendo os nomes das pessoas com quem estavam os equipamentos. “Ela foi intimada e entregou os itens, mas não sabemos onde estavam, a escola vai dar continuidade para resgatar o que falta porque pertencem ao patrimônio público, não queria lutar judicialmente porque sei que vai prejudicá-la, mas quero que ela faça o que é certo, devolver o que ainda falta. Essas informações da secretaria de educação foram se juntando e só depois procurei a delegacia, nos vamos dar prosseguimento para restaurar os outros dois que faltam”, disse a atual diretora Luciene Barbosa.

A Polícia tomou conhecimento desse contexto após ouvir da nova gestão sobre a falta dos bens, ficando a cargo da secretaria municipal de educação abrir inquérito para apurar o secreto. A secretaria informou que só vai se pronunciar sobre o caso, após as conclusões policiais. No entanto, profissionais da educação de Bodocó informaram que houve outros casos registrados sobre desparecimento de outros bens nas escolas e secretarias. 

Com informações Cidinha Medrado | Foto: Rômulo Lima
Fonte: Radio Grande Rio

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.