Blog Rômulo Lima

O prefeito de Bodocó, recebeu na manhã desta sexta (11), a visita dos deputados federal Fernando Filho e estadual Antônio Coelho, eles cumpriram agenda visitando algumas obras no município, participaram de uma café da manhã com o gestor e seguiram para Araripina.

Na oportunidade, Túlio Alves destacou algumas obras em andamento, esteve em cada uma, junto com os parlamentares e sua equipe. Ele também ressaltou que está acompanhando a reconstrução da Ponte sobre o Rio Pequi e que tem cobrado do estado mais agilidade. Túlio elogiou a participação dos deputados em seu governo.
“A presença deles é muito importante, ao longo do nosso mandato Fernandinho destinou diversos recursos pra gente, ele nos ajudou com ônibus escolar, abastecimento, pavimentação, gabinetes odontológicos, tem sido um grande parceiro, isso é importante”. Disse Túlio Alves.

Os parlamentares visitaram algumas obras em andamento, acompanhados do prefeito e equipe, serviços de calçamento em ruas do Bairro São Francisco, construção da Escola, Estádio Municipal e Parque de Eventos. 

Túlio Alves também falou de política, está animado para uma pré-candidatura e descartou a possibilidade do seu pai, o ex-prefeito Brivaldo Alves disputar as eleições municipais em 2020, ele disse que essa é uma decisão do próprio Brivaldo, que quer apenas se dedicar à carreira política do filho. 

“Não há nenhuma possibilidade do meu pai disputar em 2020, temos feito reuniões com nosso grupo, lideranças e vereadores continuam batendo forte no meu nome, meu pai em casa me dá aquela força, a gente conversa muito, ele diz que vai continuar prestando serviços para o município, mas que está fora da política”, confirmou Alves.

Cidinha Medrado

Postar um comentário

  1. No Brasil é o “nivelar por baixo” a educação, a arte e a cultura. Sobretudo durante os 13 anos dos governos populistas e Kitsch do PT.

    Os Ministros petistas –sindicalistas — são, e foram, assim:
    meio-analfa, meio-picareta, meio-charlatão, meio vigarista, meio barango, meio canalha, meio Kitsch, meio mentiroso, meio traíra, meio cafona, né? E dilma, hein?

    Nunca vi partido mais bregaço, mais Kitsch, mais cafonérrimo, mais bregão que o PT. Há muito partido ruim no Brasil, mas de todos o PT é o pior.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.