Slider[Style1]

Style2

Style3[OneLeft]

Style3[OneRight]

Style4

Style5

PSDB quer auditoria para resultado das eleições

Partido protocolou pedido no Tribunal Superior Eleitoral nesta quinta-feira.
O PSDB protocolou nesta quinta-feira no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pedido de auditoria especial para verificar o resultado das eleições presidenciais deste ano. O candidato do partido Aécio Neves perdeu a disputa para a petista Dilma Rousseff por uma diferença de 3,28 pontos percentuais. Na petição, assinada pelo coordenador jurídico do PSDB, deputado Carlos Sampaio (SP), o partido justifica que há "uma somatória de denúncias e desconfianças por parte da população brasileira" motivada pela decisão do tribunal de só divulgar o resultado da eleição presidencial após a votação no Estado do Acre.
"O aguardo do encerramento da votação no Estado do Acre, com uma diferença de três horas para os Estados que acompanham o horário de Brasília, enquanto já se procedia a apuração nas demais unidades da federação, com a revelação, às 20h00 do dia 26 de outubro, de um resultado já definido e com pequena margem de diferença são elementos que acabaram por fomentar, ainda mais, as desconfianças que imperam no seio da sociedade brasileira."
O partido pede ao TSE a abertura de processo de auditoria nos sistemas de votação e de totalização dos votos, por uma comissão de especialistas formada a partir de representantes indicados pelos partidos políticos. "É justamente com o objetivo de não permitir que a credibilidade do processo eleitoral seja colocada em dúvida pelo cidadão brasileiro que nos dirigimos neste momento à presença de Vossas Excelências", alega. O TSE ainda não se manifestou a respeito.
>> Confira nota publicada no site do PSDB:
Foi com muita ansiedade que a nação brasileira aguardou o anúncio do resultado da eleição presidencial, em segundo turno, no último dia 26 de outubro. Enquanto aguardava, em todos os cantos deste país começaram a ser apresentadas denúncias sobre fatos ocorridos durante a votação, principalmente com relação à própria totalização dos votos.
Temos absoluta confiança de que o Tribunal Superior Eleitoral – TSE cumpriu seu papel, garantindo a segurança do processo eleitoral. Todavia, com a introdução do voto eletrônico, as formas de fiscalização, auditagem dos sistemas de captação dos votos e de totalização têm se mostrado ineficientes para tranquilizar os eleitores quanto a não intervenção de terceiros nos sistemas informatizados.
Diante deste quadro de desconfiança por parte considerável da população brasileira, o Partido da Social Democracia Brasileira – PSDB decidiu apresentar ao TSE, no dia de hoje (30/10), um pedido de auditoria especial, por meio de uma comissão formada por pessoas indicadas pelos partidos políticos, objetivando a fiscalização dos sistemas de todo o processo eleitoral, iniciando-se com a captação do sufrágio, até a final conclusão da totalização dos votos.
Este pedido objetiva, acima de tudo, manter a confiança dos cidadãos brasileiros em suas Instituições e na nossa democracia, pois é este o elemento indispensável para que a legitimidade dos poderes constituídos seja preservada.
Reiteramos nossa confiança na Justiça Eleitoral. Portanto, o que pretendemos com essa medida judicial é garantir que todo e qualquer cidadão também possa ter a certeza de que nossos representantes políticos são, de fato, aqueles que foram escolhidos pelo titular da soberania nacional: o povo brasileiro.
Diretório Nacional do PSDB

Fim da reeleição começa a tramitar no Senado

Uma Proposta de Emenda a Constituição (PEC) que determina o fim da reeleição para os cargos de presidente da República, governador e prefeito começou a tramitar no Senado Federal nesta semana, dias após a reeleição da presidente Dilma Rousseff (PT) no último domingo (26). A proposta é da senadora Lídice da Mata (PSB-BA) e aguarda a designação de um relator na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania.
Na justificativa apresentada junto ao projeto, a senadora disse que a possibilidade de reeleição cria desequilíbrios na disputa eleitoral pela possibilidade de utilização da máquina pública pelo candidato e por atrapalhar a governabilidade. Desde 1997, quando a Emenda Constitucional nº 16/1997 foi aprovada, todos os presidentes da República foram reeleitos.
“A reeleição ajuda na perpetuação de dinastias no poder, especialmente nas esferas subnacionais, diminuindo a rotatividade dos titulares, a qual deve ser uma característica inerente à democracia e, em especial, ao princípio republicano”, defende Lídice.
Na defesa da proposta, a senadora também diz que o candidato à reeleição é favorecido pela visibilidade dada pelo cargo, que se transformaria em publicidade gratuita, como no caso de pronunciamentos oficiais.
“Temos ao redor do mundo vários países que, disfarçados de democracias, representam verdadeiras ditaduras, perpetuadas por reeleições supostamente isonômicas”, justifica ainda no texto.
Numa disputa acirradíssima, Dilma foi reeleita com 51,64% dos votos dos eleitores nesse segundo turno, enquanto seu adversário, o senador Aécio Neves (PSDB), teve 48,36% da preferência do eleitorado.

Antes de começar mandato, Paulo Câmara pede bênção ao papa Francisco

Passado o período eleitoral, o governador eleito de Pernambuco Paulo Câmara (PSB) viajou para Roma, na Itália, a fim de buscar novos parceiros comerciais para o Estado. Na passagem pela cidade, prestigiou nesta sexta-feira (31), ao lado do atual governador de Pernambuco, João Lyra (PSB), o concerto da Orquestra Criança Cidadã (OCC) Meninos do Coque para o Papa Francisco, no Vaticano.
Ao todo, 44 crianças e adolescentes carentes do Recife entoaram um repertório montado especialmente para a apresentação, sendo quatro composições do alemão Johann Sebastian Bach.
O concerto foi realizado paralelamente à 16ª Conferência Internacional da Fraternidade Católica, que se estende até o domingo (02), em Roma. Durante a apresentação, o atual governador mencionou a emoção em ver a apresentação das crianças ao papa. “São pessoas carentes que tem garantido seu futuro através da música”. Ao agradecer, o Papa descontraído disse que João Lyra era “o governante da orquestra”.
Além do governador e da primeira-dama, Leila Queiroz, vários pernambucanos estavam presentes ao concerto: o governador eleito Paulo Câmara, o vice-governador eleito Raul Henry, o presidente do Tribunal de Justiça de Pernambuco, desembargador Frederico Ricardo de Almeida Neves, os deputados estaduais Raquel Lyra, João Fernando Coutinho, Terezinha Nunes e Tony Gel.
Idealizada pelo juiz de Direito João José Rocha Targino em 2006, a Orquestra Criança Cidadã faz parte do projeto social gerido pela Associação Beneficente Criança Cidadã (ABCC) que busca o resgate social de crianças carentes do bairro do Coque, um dos bairros mais violentos e de menor Índice de Desenvolvimento Humano do Recife. Atende atualmente, gratuitamente, a 170 jovens, entre quatro e 21 anos.
Blog de Jamildo

Máquinas do PAC são apreendidas em propriedade privada em Salgueiro

Prefeito e dois funcionários serão ouvidos pela Polícia Federal.
Se confirmada irregularidade, envolvidos poderão responder por 2 crimes.
Um caminhão caçamba e uma pá carregadeira foram apreendidos pela Polícia Federal em um sítio na Zona Rural de Salgueiro, no Sertão de Pernambuco. Os equipamentos, que foram doados pelo Governo Federal para o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), estavam em uma propriedade de um funcionário da prefeitura trabalhando na construção de um açude.
Segundo a PF, os maquinistas que estavam no Sítio Uri, informaram que o trabalho tinha sido autorizado pelo prefeito da cidade, Marcones Libório Sá. Deverão ser ouvidos, o prefeito, a secretária de Serviços Públicos e o diretor de Trânsito de Salgueiro. Os três envolvidos poderão responder pelos crimes de improbidade administrativa e apropriação de bens públicos para fins particulares, se confirmadas as irregularidades. A pena varia de cinco a 12 anos de reclusão.
Em nota, a assessoria de comunicação da Prefeitura de Salgueiro informou que o município tem um Plano de Convivência com o Semiárido e, entre as ações, há ampliação de pequenos barreiros. Sobre as atividades na propriedade do diretor de Transporte do município, a nota informou que se trata de um servidor público concursado e que já havia um pedido há mais de um ano para a ação na sua propriedade que apresenta pré-requisitos necessários como estar no Semiárido e não haver outra fonte de abastecimento de água.
Do G1 Petrolina

Ouricuri recebe nesta sexta peça teatral adaptada de William Shakespeare

Um espetáculo teatral faz uma releitura de obra do escritor inglês William Shakespeare com personagens do folclore nordestino. A peça ‘Romeu e Julieta: O Encontro de Shakespeare com a Cultura Popular’ já foi apresentada em Bodocó, nesta quinta-feira (30). Hoje é a vez de Ouricuri e amanhã Petrolina.
A peça é um espetáculo ao ar livre que transforma os personagens do dramaturgo britânico em Mateus e Catirina, figuras do Bumba Meu Boi. Segundo o responsável por cultura do Sesc Bodocó, Herbert Adriano Rodrigues, a clássica história de amor é transportada para o terreiro de reisado. “O espetáculo tem dança, brincadeiras com fitas e rodas de coco. As disputas entre os Montecchios e Capuletos remetam às lutas de espadas características do reisado”, conta.
A montagem do espetáculo é do grupo cearense Garajal, que se apresenta na praça de eventos de Ouricuri. A peça começa a partir das 20h, gratuitamente.
Blog de Bruno Morais / Foto: Divulgação/Sesc Bodocó

Municípios terão mais dois anos para pôr fim aos lixões

O difícil desafio de pôr fim aos lixões ganhou mais um capítulo. O Senado anunciou nessa quarta-feira (29) a decisão de prorrogar para 2018 o prazo para os municípios cumprirem a legislação e se adaptarem à política nacional de resíduos sólidos.
Embora a Medida Provisória (MP) tenha sido aprovada pelos senadores, o líder do governo, José Pimentel (PT-CE), avisou que a presidente Dilma Rousseff está decidida a vetar o artigo no momento de transformar o projeto em lei.
A medida trata de questões tributárias, mas veio da Câmara dos Deputados para o Senado com um artigo que joga de agosto deste ano para agosto de 2018 o prazo para os municípios cumprirem a legislação aprovada em julho de 2010, depois de tramitar no Congresso por 21 anos.

Matrículas do ProJovem Urbano podem ser feitas até hoje

Encerra nesta sexta-feira (31), o período de matrícula do Programa Nacional de Inclusão de Jovens (ProJovem Urbano) em 11 cidades do Sertão pernambucano. O programa oferece a oportunidade a jovens alfabetizados de 18 a 29 anos concluir o Ensino Fundamental. Os participantes que frequentarem, no mínimo, 75% das aulas, recebem um auxílio mensal no valor de R$ 100.
As cidades do Sertão que participam do programa são Afrânio, Araripina, Ipubi, Lagoa Grande, Ouricuri, Parnamirim, Salgueiro, Santa Filomena, Santa Maria da Boa Vista, Serrita e Trindade. O número total de vagas é superior a mil, variando de 80 a 200 de acordo com o município. Já em Petrolina, o prazo de inscrição é maior, seguindo até 30 de novembro.
Os documentos necessários para a matrícula são os originais e cópias da Carteira de Identidade, CPF, comprovante de residência, Histórico e Declaração Escolar. Todo o material didático do ProJovem é gratuito e o curso tem duração de 18 meses.
Ao concluir as aulas, o estudante recebe um certificado correspondente ao Ensino Fundamental II, ou seja, do 6º ao 9º ano. Os alunos também irão aprender noções básicas de informática e participar de um curso não-profissionalizante na área de administração. Informações sobre os locais de inscrição em cada cidade pelo telefone (81) 3183-9407.

Top